Results: 4

    Síntese de evidências para políticas de saúde: reduzindo as taxas de cirurgia cesariana no Brasil

    O problema: O Brasil é o segundo país com as taxas mais elevadas de cirurgia cesariana no mundo, muito além da recomendação de 10 a 15% da Organização Mundial da Saúde (WHO et al., 2015). O uso excessivo e desnecessário de tecnologias na atenção ao parto e nascimento tem contribuído para aume...

    Optimizing the use of antenatal care services in Cameroon

    This brief is a contribution to deliberations aiming at fostering the use of antenatal care (ANC) services by pregnant women in order to reach the optimum recommended by WHO (e.g., four prenatal visits, one per quarter including one just before delivery) within the framework of the Campaign for the Accel...

    Improving access to skilled attendance at delivery: full report

    The problem: High Maternal Mortality. Uganda?s maternal mortality has moderately declined from 670 per 100,000 live births in 1990 to 430 per 100,000 live births in 2008. This annual decline of 13 maternal deaths per 100,000 live births is unlikely to achievemeet the MDG target of 168 per 100,000 live bi...

    Mortalidade perinatal fetal e neonatal precoce no Brasil: síntese de evidências para políticas de saúde

    As desigualdades sociais entre regiões e populações no Brasil se reproduzem nas taxas de mortalidade infantil, constituindo um relevante problema de saúde a ser enfrentado por toda a sociedade. Apesar do declínio da mortalidade infantil na última década, as taxas encontradas nas regiões Norte e N...