COVID-19

Nesta seção você encontrará os informes de ATS produzidos pelas instituições membros da RedETSA em resposta à pandemia do COVID-19. Poderá encontrar mais recursos no site da OPAS.


Limitação de Responsabilidade

As informações, serviços, ferramentas e/ou opiniões compartilhadas e expressas na plataforma são de responsabilidade exclusiva das instituições que as produzem e não representam necessariamente o ponto de vista da OPAS/OMS.

A OPAS/OMS e seu Centro Especializado BIREME não oferecem garantias nem respondem pela exatidão ou veracidade da informação, produtos, serviços e/ou ferramentas proporcionados. Os usuários devem utilizar esses produtos, serviços e/ou ferramentas por sua própria conta e risco. Em nenhum caso a OPAS/OMS e seu Centro Especializado BIREME serão responsáveis por perdas e/ou danos, mesmo se estes pudessem ter sido advertidos e/ou prevenidos.

Termos e condições de uso

Resultados: 4

Ivacaftor para pacientes acima de 6 anos que apresentem uma das seguintes mutações de gating (classe III), G55ID, G1244E, G1349D, G178R, G551S, S1251N, S1255P, S549N ou S549R

CONTEXTO: A Fibrose Cística (FC) é uma doença genética em que se observa desequilíbrio na concentração de cloro e sódio nas células que produzem as secreções do corpo, como muco e suor. Como resultado do acúmulo de muco e consequente proliferação de patógenos, observa-se como principais si...

Lumacaftor/Ivacaftor para o tratamento de pacientes com fibrose cística homozigótica para a mutação F508del

CONTEXTO: A fibrose cística (FC) é uma doença de herança autossômica recessiva que se manifesta principalmente na infância, sendo considerada uma das doenças genéticas letais mais comuns na população caucasiana, com prevalência de 1/3.000 nascidos vivos. No Brasil, a incidência ainda não foi...

Lumacaftor/Ivacaftor en fibrosis quística

CONTEXTO CLÍNICO: La Fibrosis Quística (FQ) es una enfermedad genética autosómica recesiva causada por la mutación de la proteína reguladora de conductancia de transmembrana de fibrosis quística (CFTR, su sigla del inglés Cystic Fibrosis Transmembrane Conductance Regulator). Al ser una enfermedad...

Informe de evaluación científica basada en la evidencia disponible: fibrosis quística

INTRODUCCIÓN: La fibrosis quística (FQ) es la enfermedad autosómica recesiva más frecuente entre las poblaciones caucásicas, con una frecuencia de 1 en 2000 a 3000 nacidos vivos. Esta patología es producida por la mutación del gen que codifica la proteína reguladora de la conductancia transmembra...