COVID-19

Nesta seção você encontrará os informes de ATS produzidos pelas instituições membros da RedETSA em resposta à pandemia do COVID-19. Poderá encontrar mais recursos no site da OPAS.


Limitação de Responsabilidade

As informações, serviços, ferramentas e/ou opiniões compartilhadas e expressas na plataforma são de responsabilidade exclusiva das instituições que as produzem e não representam necessariamente o ponto de vista da OPAS/OMS.

A OPAS/OMS e seu Centro Especializado BIREME não oferecem garantias nem respondem pela exatidão ou veracidade da informação, produtos, serviços e/ou ferramentas proporcionados. Os usuários devem utilizar esses produtos, serviços e/ou ferramentas por sua própria conta e risco. Em nenhum caso a OPAS/OMS e seu Centro Especializado BIREME serão responsáveis por perdas e/ou danos, mesmo se estes pudessem ter sido advertidos e/ou prevenidos.

Termos e condições de uso

Resultados: 13

Antirretroviral etravirina 200mg para o tratamento da infecção pelo HIV

CONTEXTO: Atualmente, encontra-se disponível na RENAME somente a apresentação de 100mg por comprimido para tomada diária de 2 comprimidos. A apresentação etravirina 200 mg reduzirá o número de comprimidos ingeridos diariamente, em combinação com outros antirretrovirais que compõe seu regime te...

Antirretroviral raltegravir para uso pediátrico

INTRODUÇÃO: Em março de 2013, a ANVISA publicou a ampliação da faixa etária de uso do antirretroviral raltegravir, para crianças a partir de 2 anos de idade, registrando as apresentações de 25mg e 100mg em comprimidos mastigáveis. Anteriormente, o raltegravir tinha registro apenas para adolesce...

Antirretrovirais estavudina (d4t) 30mg e indinavir (idv) 400mg

INTRODUÇÃO: A partir da Nota Técnica nº 90/2012, de março de 2012, o Ministério da Saúde recomendou a substituição de estavudina (d4T) 30mg e indinavir (IDV) 400mg por outros antirretrovirais (ARV) da mesma classe terapêutica para todos os adultos ainda em uso destes medicamentos, e reitera a n...

Darunavir de 600mg comprimidos revestidos como terapia antirretroviral para adultos infectados pelo HIV/Aids

DADOS EPIDEMIOLÓGICOS E DE UTILIZAÇÃO DO MEDICAMENTO: Do início da epidemia, em 1980, até junho de 2013, o Brasil registrou 686.478 casos de AIDS. Em 2012 foram notificados 39.185 novos casos dessa síndrome e a taxa de incidência foi de 20,2 casos por 100 mil habitantes (Brasil, 2013). Apesar dos ...

Maraviroque para pacientes em terapia antirretroviral

INTRODUÇÃO: A política de acesso universal ao tratamento foi estabelecida em 1996, com a publicação da Lei Federal 9.313 que define como responsabilidade da União o acesso ao tratamento antirretroviral a pessoas que vivem com HIV/Aids (PVHA) no Brasil. Desde então, esta política vem determinando ...

Protocolo clínico e diretrizes terapêuticas: profilaxia antirretroviral pós-exposição de risco para infecção pelo HIV (PEP)

OBJETIVO: atualizar as recomendações do Departamento de DST, Aids, e Hepatites Virais (DDAHV)/Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS)/ Ministério da Saúde (MS) quanto ao emprego de antirretrovirais para a Profilaxia Pós-Exposição ao HIV (PEP). As recomendações para realização de PEP estarão...

Antirretroviral zidovudina para uso no tratamento de leucemia/linfoma de células T associado ao HTLV-1

INTRODUÇÃO: O HTLV é um retrovírus descoberto em 1981 que possui as mesmas vias de transmissão do HIV e apresenta prevalência variada mundialmente. No Brasil estudos com gestantes e doadores em bancos de sangue refletem uma baixa prevalência do HTLV, segundo própria classificação do vírus em t...

Eficacia y seguridad de nab-paclitaxel para el tratamiento de adenocarcinoma de páncreas metastásico sin tratamiento sistémico previo

INTRODUCCIÓN: Antecedentes: El presente dictamen expone la evaluación de eficacia y seguridad del uso de nab-paclitaxel en combinación con gemcitabina para el tratamiento de adenocarcinoma de páncreas metastásico, sin tratamiento sistémico previo para enfermedad metastásica. Aspectos Generales: El...

Eficacia y seguridad del uso de maraviroc para el tratamiento de VIH-1 con tropismo ccr5 positivo, en pacientes multidrogorresistentes en estadio sida

INTRODUCCIÓN: Antecedentes: El presente dictamen presenta la evaluación de tecnología de la eficacia y seguridad de maraviroc para el tratamiento de pacientes infectados con VIH01 con tropismo CCR5 positivo, multidrogorresistentes, en estadio SIDA. Aspectos Generales: Hacia el final de 2014, alrededor...

Eficacia y seguridad del uso de dolutegravir en el tratamiento de pacientes con VIH multitratados

INTRODUCCIÓN: Antecedentes: El presente dictamen expone la evaluación de tecnología de la eficacia y seguridad de dolutegravir para el tratamiento de pacientes con VIH multitrados. METODOLOGÍA: Estrategia de Búsqueda: Se llevó a cabo una búsqueda de la literatura con respecto a la eficacia y segur...