Yoga no controle do tabagismo em adultos e idosos: qual é a eficácia e a segurança do yoga no controle do tabagismo em adultos e/ou idosos?

    Publication year: 2020

    O yoga caracteriza-se como uma prática integrativa de origem oriental que combina posições corporais, técnicas de respiração, meditação e relaxamento. É indicada no tratamento de sistemas musculoesquelético, endócrino, respiratório, além de outros agravos à saúde, e estimula as funções cognitivas. Há evidências de que o yoga pode ser uma alternativa para auxiliar na cessação do tabagismo. Qual a eficácia e a segurança do yoga no controle do tabagismo em adultos e/ou idosos? As buscas foram realizadas em sete base de dados sem restrição de ano de publicação. Foram incluídas revisões sistemáticas em inglês, português e espanhol que avaliaram os efeitos da tecnologia no tratamento do tabagismo em população adulta e idosa. A avaliação da qualidade metodológica foi realizada por uma profissional e revisada por outra, utilizando-se a ferramenta AMSTAR 2. Nesta revisão rápida, produzida em três dias, foram utilizados atalhos metodológicos, de maneira que apenas o processo de seleção foi realizado em duplicidade e de forma independente. De 33 revisões sistemáticas recuperadas nas bases de dados, três atenderam aos critérios de elegibilidade e foram incluídas. A avaliação da qualidade metodológica indica que essas revisões são de qualidade criticamente baixa. As revisões apresentaram resultados sobre o uso de yoga no controle do tabagismo, incluindo as categorias hatha yoga e yoga vinyasa. O uso de hatha yoga e yoga vinyasa como método único ou associado a Terapia Cognitivo-Comportamental mostrou efeito na redução e cessação do desejo de fumar, na abstinência de fumar, no estágio de prontidão para mudanças e no estado de humor dos participantes dos estudos. No entanto, esses resultados têm como base ensaios clínicos únicos e com número reduzido de participantes. Uma revisão relatou sobre a segurança daprática de yoga, mostrando a não ocorrência de eventos adversos. As modalidades de hatha yoga e yoga vinyasa mostraram efeitos positivos para o controle do tabagismo com relação ao desejo de fumar, abstinência, estágio de prontidão para mudanças e humor. Os resultados são baseados em poucos ensaios clínicos. A segurança da prática de yoga foi pouco investigada. Além disso, esses achados devem ser interpretados com cautela, visto que a confiança nos resultados das revisões foi considerada criticamente baixa na avaliação da qualidade metodológica. Há necessidade de mais estudos, com qualidade metodológica adequada, para afirmar sobre a eficácia da prática de yoga no controle do tabagismo.